Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog Bestialmente Conhecido

Avatar

Quando me inscrevi na Sapo Blogs não me recordo de ter sequer colocado uma foto no avatar. Com o tempo, e ajustando o template do blog anterior lá considerei pôr uma foto. Eu a rir, eu a olhar para o lado, eu a olhar para o outro lado, os meus pés, a minha sombra na praia e mais umas coisas.

Umas vezes não me importo que apareça parcialmente a minha cara, outras acho estranho ter a minha cara ali, mesmo em cima da cara das pessoas quando leem.

Mudo.

Quando criei este espaço novo decidi que tinha de ter um avatar que me agradasse mais. Descarreguei uma app para o telemóvel que desenhou um boneco com a minha foto.

Mas cansei-me. Estou farta de ver a boneca com ar de enjoada a olhar para mim quando visito o meu próprio espaço.

 

Ontem procurei uma foto. Não quero a minha cara, não quero a minha barriga, quero uma foto que me diga alguma coisa.

 

Não encontrei nenhuma que fosse exatamente o que eu queria, mas encontrei uma em que estava a correr com o meu miúdo, numa manhã alegre de primavera no ano passado. Quando eu ainda conseguia ter umas manhãs para correr e enquanto ele ainda achava giro ficar sentado no carrinho enquanto eu corria às voltas no parque.

 

Ou isso ou sou eu a fugir das frustrações da minha vida…que hoje deram para me entristecer. Há dias assim.

 

Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor. Amanhã vai ser melhor.

 

Escrevo persistentemente na ardósia da minha mente. Até ela acreditar.

 

Sou eu a correr, a fazer uma coisa que me deixa contente, a correr com a melhor pessoa do mundo, o meu filho, a ser fotografada pela segunda melhor pessoa do mundo, o tipo que mora lá em casa e reclama por causa das velas.

 

  • 2 comentários

    Comentar post